Júri de Longa Metragem

Chris Paine

É escritor e diretor de "Vingança do Carro Eletric o" (2011) e "Quem matou o carro elétrico?" (2006), distribuído pela Sony Pictures para se tornar um dos documentários mais conhecidos dos últimos tempos. Produziu "Charge" sobre corridas de motocicleta elétrica com Ewan McGregor, "Mais rápido!" e "Não há mapas para esses territórios", sobre o escritor cyberpunk William Gibson. Fundou o projeto de derramamento de óleo counterspill.com, que recentemente ganhou três Webby Awards, em Nova York e faz parte do conselho de administração da Amigos da Terra, em Washington DC, a empresa de e-bike, Commuter Consciente,  Sunergize, Impro Theater, e da Fundação Black Arts Rock.

Mário Jorge Branquinho

Nasceu no Sabugueiro, Seia (Portugal) em Junho de 1966. É Licenciado em Ciências Sociais e possui Mestrado em Animação Artística. Como Técnico Superior do Município de Seia, é responsável e programador da Casa Municipal da Cultura de Seia, no âmbito da qual é diretor e fundador do CineEco, único Festival Internacional de Cinema Ambiental que se realiza em Portugal. É Autor dos livros “Sentido Figurado” e “O Mundo dos Apartes” e tem sido ao longo dos anos colaborador de vários órgãos de imprensa local e regional. Também é fotógrafo premiado e autor do blogue www.seiaportugal.blogspot.com

Artur Xexéo

Artur Xexéo, jornalista brasileiro, com passagens pela Veja e IstoÉ, foi editor de cultura do Jornal do Brasil e de O Globo, onde mantém duas colunas semanais, além de blog. É comentarista da rádio CBN e do programa Estudio I, na Globo News. Escritor, publicou uma biografia de Janete Clair, um livro de crônicas sobre os bastidores das coberturas de Copas do Mundo e, mais recentemente, escreveu a peça teatral “Nós sempre teremos Paris”, além de roteiros para televisão.

Júri de Curta Metragem

Pedro Sol de Abreu Nunes

Cursou Cinema e TV na Universidade Estácio de Sá e Geografia e Meio Ambiente na PUC-Rio. Diretor executivo da Imagine Arte Cultura e Paz Ltda. desde 2003. Produziu, dirigiu e coordenou projetos de caráter ambiental e pedagógico como o Vídeo Ambiental, o Ecomuseu Itinerante de Santa Cruz, as Caravanas Euclidianas, entre outros. Atuou como fotógrafo, editor e/ou finalizador em produções audiovisuais como A Linha da Lealdade, Kuka Hitchuti, A Paz é Dourada, Museu da Maré, entre outros.

Isabel Veiga

Formada em Cinema pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Há três anos trabalha com curadoria, coordenação e produção em diversas mostras e festivais de cinema. Desenvolve projetos de documentários nas áreas de pesquisa e direção. Como diretora realizou os curta-metragens: Mamulengos (2012) e Partedois - Do Outro Lado do Rio (2010). Atualmente também ministra oficinas de linguagem cinematográfica, fotografia e produção em vídeo.

Olívia Janot

Cursou Edição de Vídeo, Letras, Roteiro e Dramaturgia, em escolas como a Casa das Artes de Laranjeiras, Darcy Ribeiro, Oi Kabum - Arte e Tecnologia, entre outros. Hoje trabalha como freelancer de roteiro e edição e está estagiando como Assistente de Direção.

Júri Prêmio RBJA de Relevância Jornalística

Pelo segundo ano a Rede Brasileira de Jornalismo Ambiental fará a entrega do prêmio de Relevância Jornalística ao filme escolhido pela crítica especializada. Fundada em 1998, a Rede Brasileira de Jornalismo Ambiental (RBJA) é uma plataforma de interação entre jornalistas, estudantes, assessores de imprensa e acadêmicos que tem, entre seus principais objetivos, discutir jornalismo ambiental, integrar jornalistas que cubram o tema e ser um instrumento para troca de informações sobre fontes especializadas.

Antonio Carlos Teixeira

Jornalista, pós-graduado em Ciências Ambientais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro; integrante da Delegação Oficial da Câmara Brasil - Alemanha de Comércio e Indústria em visita à IFAT Entsorga 2010 (Feira Internacional de Água, Esgoto, Lixo e Reciclagem), em Munique (Alemanha), e ao Centro de Energias Renováveis de Güssing (Áustria); mediador de debate sobre resíduos sólidos, energias renováveis e responsabilidade socioambiental no II Congresso Sul Americano de Energias Renováveis e Meio Ambiente; coordenador, editor e co-autor do livro "A Questão Ambiental - Desenvolvimento e Sustentabilidade"; editor do blog TerraGaia; integrante da equipe conjunta da revista Plurale e do blog TerraGaia na cobertura jornalística da Conferência Rio+20). Será jurado no Festival Filmambiente pelo 2ºano.

Lucia Chayb

Jornalista de formação é responsável há vinte e três anos pela revista ECO•21, cujo editor-chefe é o jornalista René Capriles. Tem experiência na cobertura de eventos de grande porte como: Conferência do Rio em 1992;  Conferência de Johanesburgo em 2002, na África do Sul; Congresso Mundial de Educação Ambiental em Espinho, Portugal, em 2003; Congresso Mundial de Educação Ambiental em Turim (Itália) em 2005; Rio +20 em 2012 no Rio de Janeiro, dentre outros eventos relevantes por todo o Brasil. Foi jurada do Prêmio Von Martius;  Prêmio Ford de Meio Ambiente; Prêmio Ford de Conservação Ambiental e Green Project Awards Brasil. Trabalhou na Bloch, Bandeirantes, Globo e TV Educativa. Será jurada no Festival Filmambiente pelo 2ºano.

Elizabeth Oliveira

Jornalista e consultora freelancer. É colaboradora de publicações especializadas em temas socioambientais no Brasil. Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento (PPED), vinculado ao Instituto de Economia, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IE/UFRJ). É integrante do Grupo de Pesquisa Governança, Biodiversidade, Áreas Protegidas e Inclusão Social – GAPIS.  Integra, ainda, a Rede Brasileira dos Jornalistas Ambientais (RBJA) e é moderadora no Brasil da Rede dos Comunicadores Ambientais da América Latina e do Caribe (RedCalc).

Convidados 2013

Anne-Marie Melster


Alemã,
co-fundadora e diretora da ArtPort_making waves, é curadora, crítica e organizadora de exposições internacionais de arte.

Alessandro Rossi


Cineasta italiano,
diretor do filme “Deus salve o Verde”.

Artur Xexéo


Brasileiro,
jornalista e escritor, jurado de longa-metragem no 3º Filmambiente.

Chris Paine


Cineasta americano,
jurado de longa-metragem internacional no 3º Filmambiente.

Éric Séguin


Canadense,
programador de filmes, responsável pela mostra do National Film Board do Canadá.

Elaine Azevedo


Brasileira,
professora do departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Espírito Santo, representando o filme “Brasil Orgânico”.

Isabel Veiga


Brasileira,
graduada em cinema, diretora e pesquisadora, jurada de curta-metragem no 3º Filmambiente.

José Solla


Brasileiro,
diplomata com formação em cinema, foi Secretário Nacional Adjunto da organização da Rio+20 e organizador da mostra internacional de cinema realizada no MAM-RJ: "Rio+20: Sustentabilidade em 24 quadros". Fará parte da mesa “O Audiovisual como Instrumento de Transformação”, que acontecerá no Jardim Botânico.

Laurent Hasse


Cineasta francês,
diretor do filme “Felicidade, Terra Prometida”.

Lisandro Nogueira


Brasileiro,
consultor de cinema do FICA (Fest Int de Cinema Ambiental), crítico de cinema e professor de cinema na Universidade Federal de Goiás.

Magnólia de Oliveira


Brasileira,
co-diretora do filme “Os invisíveis de Belo Monte”.

Marc-Henri Wajnberg


Cineasta belga,
diretor do filme “Os meninos de Kinshasa”.

Marcos Nisti


Cineasta brasileiro,
co-roteirista do filme “Muito Além do Peso”.

Mário Jorge Branquinho


Português,
diretor do Festival CineEco de Seia, jurado de longa-metragem no 3º Filmambiente.

Nikos Dayandas


Cineasta grego,
diretor do filme  “Pedacinho de Terra”.

Olívia Janot

Brasileira,
estudante de cinema e video na CAL, na Darcy Ribeiro e na OI Kabum, roteirista e editora, jurada de curta-metragem no 3º Filmambiente.

Pedro Sol de Abreu Nunes


Brasileiro,
diretor executivo da Imagine Arte Cultura e Paz Ltda, jurado de curta-metragem no 3º Filmambiente.

Res Gehriger


Suíço,
jornalista e co-autor do filme "Vida engarrafada, o negócio da Nestlé".

Sergio Blanco


Cineasta mexicano,
autor do filme “Não há lugar distante”.

Silvio Da-Rin


Cineasta brasileiro,
diretor dos longas “Hércules 56” e “Paralelo 10” e coordenador do debate "O Audiovisual como Instrumento de Transformação", que acontecerá no Jardim Botânico.

Solange Teles


Brasileira,
Doutora em Direito Ambiental pela Universidade Paris I, Professora de Direito Ambiental da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Membro da CTNBio, especialista em defesa do consumidor, debaterá o filme “Geneticamente Modificados”.

Yung Chang


Cineasta chinês-canadense,
diretor do filme "Caçadores de Frutas".


E o jornalista Luiz Carlos Merten, de O Estado de São Paulo.